A TV brasileira, mais precisamente a Rede Record, dispõe em sua programação para estas férias uma Minissérie de qualidade, Sansão e Dalila, que vai ao ar todas as noites, das terças às sextas-feiras com uma superprodução de atores, roteiro e cenários de tirar o fôlego. A trama é envolvente, a história bíblica é sensacional e merece toda a nossa atenção em prestigiá-la, ainda mais por se tratar de personagens bíblicos da época dos Juízes de Israel, anterior à Tradição profética dos hebreus e posterior aos Patriarcas.
Sansão é um Juiz de Israel como Débora e Baraque, Gideão e outros deste período, em que Israel era organizada por uma espécie de confederação de tribos. Juízes, tal como é conhecido um dos Livros da Bíblia Sagrada, nos seus vários aspectos, representa que o ser humano nunca aprende muito bem as lições que a história ensina, visto que, vez ou outra, o povo de Deus perdia de vista a sua identidade como povo da Aliança, povo do Concerto, caindo assim num caos espiritual, moral e social, pois “cada um fazia o que parecia reto aos seus olhos”(Jz 21.25; Cf. Jz 17.6).
Ainda assim, vemos na história da vida de Sansão um fato, para o qual concorrem dramaticamente toda a Minissérie e a curiosidade fantástica e emblemática deste filho de Deus, a traição que recai sobre si, impetrada por Dalila que o enfeitiça com sua beleza e corta seus cabelos, sinal de sua força.
Talvez este fato da traição de Sansão por Dalila seja o mais famoso na opinião popular, muito mais do que os seus feitos com o Leão, com a queixada de um asno, com a morte de milhares de homens filisteus e com a destruição do templo filisteu, enfim... Tornou-se até mais popular diante dos homens do que os feitos de Gideão, Juiz, filho de Joás, varão israelita, muito embora seja um dos juízes mais valorosos aos olhos de Deus.
Porém, é Sansão e Dalila o ponto alto da trama bíblica explorada pela Rede Record de televisão que está impactando a todos que a assistem. É uma boa pedida para nossas férias!
Na verdade, nos vemos e somos vistos em Sansão com toda sua roldana de orgulho e autossuficiência ao ponto de cegar-lhe a vista. Cego por sua força, Sansão troca uma vida inteira de lucidez por uma noite apenas de escuridão com Dalila.
Assistindo à Minissérie, mais do que a traição de Sansão por Dalila, que ainda não foi transmitida, algo me marcou curiosamente, o enigma que Sansão lançou aos filhos dos filisteus, no intuito de que adivinhassem, se pudessem: “Do comedor saiu comida, e doçura saiu do forte”(Jz 14.14). Passados 7 dias sem que ninguém desvendasse o enigma, e de tanto ser importunado por sua esposa, a fim de revelar-lhe o segredo do enigma, Sansão não se conteve e fez conhecida a solução do enigma à sua esposa que ligeiramente o declarou a todo o seu povo: “Que coisa há mais doce do que o mel? E que coisa há mais forte do que o leão?”(Jz 14.18).
Ao saber que estava sendo traído ou usado por sua esposa, uma filisteia a quem tinha lhe confiado o segredo do enigma, e ao tomar parte de que o povo havia decifrado o enigma, Sansão “tão possantemente fora apossado do Espírito do Senhor”(Jz 14.19).

Prof. Jackislandy Meira de Medeiros Silva
Licenciado em Filosofia pela UERN e
Especialista em Metafísica pela UFRN

Páginas na internet:
www.umasreflexoes.blogspot.com
www.chegadootempo.blogspot.com
www.twitter.com/filoflorania


Postagens populares

Atividade no facebook

Categorias

Deus (36) Bíblia (26) Filosofia (26) Jesus (25) Cultura (16) Teologia (16) sociologia (15) Religião (11) vida (11) Cristo (10) Educação (10) política (10) ética (10) Senhor (9) evangelho (9) (8) valores (8) Igreja (6) amor (6) florânia (6) justiça (6) oração (6) salvação (6) louvor (5) paz (5) cristão (4) esperança (4) evangelização (4) graça (4) palavra (4) Espírito (3) alegrias (3) alteridade (3) cidadania (3) culto (3) espiritualidade (3) glória (3) literatura (3) música (3) responsabilidade (3) Aristóteles (2) Lévinas (2) Moisés (2) Paulo (2) Platão (2) Pr. Silas (2) Tv (2) bom (2) comunhão (2) coração (2) criador (2) céu (2) encontro (2) felicidade (2) história (2) ideologia (2) jovens (2) mocidade (2) mundo (2) natureza (2) poder (2) político (2) rosto (2) sociedade (2) solidariedade (2) templo (2) trabalho (2) verdade (2) voz (2) Aurélio (1) Boaz (1) Chile (1) Dalila (1) Davi (1) Drummond (1) Escritura (1) Faraó (1) Habacuc (1) Haiti (1) Heidegger (1) Jaboque (1) Jacó (1) Jerusalém (1) Jonas (1) José (1) Juízes (1) Kant (1) Lutero (1) Mircea (1) Misericórdia (1) Médico (1) Nietzsche (1) Perdão (1) Record (1) Reino (1) Rute (1) Sansão (1) Trindade (1) administração (1) adorador (1) alma (1) altíssimo (1) amizades (1) anjo (1) centenário (1) cidadão (1) conversão (1) corrupção (1) crente (1) criança (1) cruz (1) cruzada (1) denominação (1) desabrigados (1) dissimulação (1) drogas (1) dízimo (1) escudo (1) exaltar (1) família (1) favor (1) fogo (1) fome (1) futebol (1) gestão (1) gratuita (1) homem (1) impunidade (1) individual (1) inteligência (1) jornalismo (1) lugar (1) luta (1) luz (1) mina (1) mineiros (1) mistério (1) mito (1) ordem (1) outro (1) participação (1) pecado (1) pedofilia (1) pedra liza (1) perseverança (1) presença (1) promessa (1) próximo (1) pão (1) quebrantado (1) razão (1) reflexão (1) rios (1) salmo (1) salvador (1) saúde (1) ser (1) serenidade (1) sexo (1) sim (1) subjetividade (1) sucos (1) uvas (1) vaidade (1) violência (1) vitória (1) água (1)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Ao mencionar qualquer material deste blog, favor citar o autor Jackislandy Meira de Medeiros Silva. Tecnologia do Blogger.